top of page
Perspectiva colecionista na ilustração

Perspectiva colecionista na ilustração

com Flávia Bomfim

 

Em um espaço habitado, cada coisa tem o seu lugar. 

A partir de que perspectiva nos colocamos quando construímos uma imagem ou uma ilustração?  Quais são as regras de composição em que nos ancoramos e quais evitamos? Por quê? As técnicas que escolhemos para ilustrar, as cores e os estilos formais, tudo isso são elementos que nos ajudam a fundamentar uma linguagem, assim como o modo como escolhemos ocupar o espaço para expressar, comunicar ou narrar algo quando ilustramos. A disposição em que inserimos os elementos pictóricos e gráficos em uma folha de papel ou em uma tela de computador podem partir de decisões controladas ou aleatórias.

Esta é uma oficina para pensar o espaço e também as maneiras como o ocupamos. Juntas visitaremos uma coleção de imagens e ilustrações que repetiram ou transgrediram estruturas compositivas, com o objetivo de ampliarmos nosso repertório visual e narrativo. Também faremos uma série de exercícios para fortalecer a musculatura de nossas mãos e olhos.

A Perspectiva Colecionista é uma ideia, um jogo, uma maneira de ver, um ponto de partida, talvez, para tomarmos decisões no momento de ilustrar.

  • Sobre Flávia Bomfim:

    Flávia Bomfim  é uma artista visual, curadora, publicadora e ilustradora de Salvador, onde organiza o Festival de Ilustração e Literatura Expandido (FILEXPANDIDO) desde 2013 e a Feira Ladeira de arte gráfica e Publicação Independente; promovendo instâncias de co-criação e investigação sobre literatura ilustrada e cultura visual. Organizou exposições nacionais e internacionais de ilustração. Criou capas de livros para diversas editoras brasileiras, Ilustrou para o Le Monde Diplomatique e para a Folha de São Paulo, além de revistas internacionais. Tem interesse especial pelo livro ilustrado, acontecimento artístico-gráfico que investiga, projeta, ilustra e escreve. Fundou a editora Movimento Contínuo e atualmente colabora no projeto FLAMA de criação coletiva. Em 2021 recebeu o prêmio Green Island pelo Nami Concours (Coréia) com ilustrações para o livro "O Adeus do Marujo" (Pallas 2022), que foi eleito pela Revista QuatroCincoUm como melhor infanto-juvenil de 2022; e que em 2023 recebeu uma Menção especial pela Bologna Children's Book Fair.

  • Horário e valor:

    Segunda e terça-feiras

    dias 03 e 04 de junho

    das 18h às 21h

    Carga horária: 6 horas

    Valor: R$ 270,00 (em até 5x sem juros)

R$ 270,00Preço
bottom of page